Foto: Vanessa Aires

O pianista, percursionista, e arranjador cubano Pepe Cisneros e a banda de Latin Jazz que o acompanha, se apresentam pela primeira vez no Grazie a Dio, casa de show da capital paulistana, onde já se apresentaram os também cubanos: Liena Centeno, Barbarito Torres e Estrelas do Buena Vista Social Club, dentre outros.

Apresentação faz parte dos dois meses do Projeto “A Salsa da Vila”, que retoma as noites de música latina na Vila Madalena.

Nascido na cidade de Guantánamo, Cuba em 1968, no Brasil, já trabalho com: Toninho Horta, Milton Nascimento y HB, Arismar do Espiritu Santo CEU, Caetano Velozo, Omara Portuondo, Sizaon Machado, Elza Suarez, como arranjador, produtor musical e apresentações em festivais e outras apresentações.
Em novembro de 2009, foi formado CUBA07, sob direção musical de Pepe Cisneros, a banda traz um repertório variado de clássicos do tradicional jazz americano. A mistura de cantos, ritmos latinos e afro-cubanos, fazem com que CUBA07 tenha uma linguagem moderníssima do latim jazz, uma sincronização de três estilos muito marcantes do mundo musical (a rumba de Chano Pozo , jazz de Dizzy Gillespie, e a bossa nova de Tom Jobim) formam as bases que torna natural e diferente esta forma de improvisar.

Além das diversas casas de jazz de São Paulo, vídeos no Youtube e diversas matérias em jornais, revistas e internet, vale destacar que CUBA07 finalizou 2009 (dezembro) com a parceria do Maestro Sion (Orquestra Jazz Sinfônico Juvenil Tom Jobim), responsável pelos arranjos e que compôs uma música em homenagem a Cuba, projeto aprovado pela Prefeitura em parceria com o Governo de São Paulo.

Cuba 07 é integrado por: Pepe Cisneros (Piano), Luis Cabrera (Sax-Percussão Menor), Sidyel (Baixo), Rodrigo (Papito) Bueno (Timbales), Pedro Bandera (Percussão Cubana-Tamobres Batá)

Em novembro de 2009, foi formado CUBA07, sob direção musical de Pepe Cisneros, a banda traz um repertório variado de clássicos do tradicional jazz americano. A mistura de cantos, ritmos latinos e afro-cubanos, fazem com que CUBA07 tenha uma linguagem moderníssima do latim jazz, uma sincronização de três estilos muito marcantes do mundo musical (a rumba de Chano Pozo , jazz de Dizzy Gillespie, e a bossa nova de Tom Jobim) formam as bases que torna natural e diferente esta forma de improvisar.

Além das diversas casas de jazz de São Paulo, vídeos no Youtube e diversas matérias em jornais, revistas e internet, vale destacar que CUBA07 finalizou 2009 (dezembro) com a parceria do Maestro Sion (Orquestra Jazz Sinfônico Juvenil Tom Jobim), responsável pelos arranjos e que compôs uma música em homenagem a Cuba, projeto aprovado pela Prefeitura em parceria com o Governo de São Paulo.

Pedro La Colina; um dos maiores interpretes da musica Latina que atuam no Brasil, apresenta o melhor e mais completo show Afro‑Latino já produzido no Brasil.
Natural de Antofagasta, Chile, o cantor e percussionista vêm ganhando grande prestí­gio nos meios artísticos, apresentando sempre um trabalho de alta qualidade. Sua traje­tória teve início em 1990, com a criação da banda “El Combo”, junto com o arranjador, compositor e pianista cubano Pepe Cisneros, de Guantanamo, e com o saxofonista, Felipe Lamoglia, de Havana.
Seu desempenho teve grande repercussão em sua participação na inauguração do Parlatino, no Memorial da América Latina, no ano de 1993.
No ano 2000 foi convidado a integrar o grupo “Raíces de América”, que interpreta un repertorio de música popular e tradicional da região de igual nome.
Em 2001 e 2003, participou da inauguração do Congresso Internacional de Salsa com sua banda “Madretierra” ao vivo para a festa de abertura do evento.
Em 2004 – lança o CD intitulado “Salsa Samba Club” – Pedro La Colina & Banda Madretierra – gravado pelo selo MCD / Lua Discos – Brasil.
Seu projeto Salsa Samba Club – é fruto da mistura das raízes da arte e da música afro-latina. E é dessa fusão que surgem muitas novidades, mesclando canções de Johnny Alf, Djavan, João Donato, Cartola, Dominguinhos e Chico Buarque, Thomas Roth & Luis Guedes entre outros, com ritmos afro latinos, como o Mambo, Son, Cha cha chá, Merengue, Guajira e Salsa.
Em 2013 novos projetos estarão sendo propostos como o caso da Gafieira Latina, um show que une as duas grandes forças rítmicas de américa: Salsa e Samba.

Grazie a Dio – R. Girassol, 67 – Pinheiros São Paulo,
Todas as terças feiras do mês de Abril
Mulher VIP, Homem Consumação de R$15

Veja, comente, compartilhe!