O ritmo Batanga foi apresentado em Havana por Bebo Valdés e Beny Moré no ano 1952,  na época ficou ofuscado pela popularidade do Mambo. 

Batanga & Cia. surge  com o intuito de propor uma apresentação distinta do conceito da “Salsa” que é mais comum no Brasil, recriando em suas apresentações a través de composições autorais, a atmosfera das descargas (jam sessions) de casas de jazz da Havana dos anos 40s, e 50s. O shows se caracterizam e diferenciam pela troca de instrumentos entre seus integrantes e utilização de ritmos e instrumentos de percussão Afro Cubanos: Os tambores Batá. e Afro Brasileiros


Em sua décima quarta edição, o projeto Virada Cultural, da Secretaria Municipal de Cultura, consolida a Cidade de São Paulo como o principal pólo gerador de arte e cultura do País proporcionando, não só aos munícipes como também aos visitantes de outros Estados e de outras nacionalidades, o acesso gratuito ao que há de melhor na produção cultural atual existente no Brasil e no exterior. A Virada Cultural da Cidade de São Paulo, através de apresentações artísticas em logradouros públicos e equipamentos oficiais dentre outros espaços culturais conquistou, nesses catorze anos de existência, o reconhecimento da mídia e do público, solidificando-se como um dos eventos nacionais mais conhecidos e divulgados do Brasil, assim como no exterior.

Batanga & Cia. se apresenta na edição de 2018 no Teatro Decio de Almeida Prado domingo 20 / 05 as 18H. Itaim Bibi  (MAPA)

Acompanhe Batanga & Cia no Instagram: @batangaicia

**Fotos do EP @batangaicia em breve em todas as plataformas digitais. Gravado nos studios @ybmusic por @diego.techera com produção musical do maestro @swamijunior
Direção de Arte e fotografias do meu querido amigo e parceiro @sardinha17, e @mariacajas , figurino @alineandrade_moda @lojaiyaiyateresa , imprensa @baoba_comunicacao / @eribalbino
agradecimentos #vilazeliamaria SZeu Dede, assistência de produção @Sury Speck Musico: @hanserferrer @noastroeter@ilker.percuteria @rivera.clau Musicos convidados: @yanielmatos @carlosceiro@fernan_ferrer.jr

Veja, comente, compartilhe!